sexta-feira, abril 14, 2017

PM atira contra caminhonete em fuga

Durante Operação Saturação realizada no município de Santa Maria do Oeste, foi visualizada pelas equipes policiais militares uma caminhonete S10 LTZ na cor branca, com uma antena semelhante a uma antena de "PX" (antena de rádio amador), fato que gerou suspeita, tendo em vista os últimos fatos que ocorreram no município envolvendo a explosão de caixas eletrônicos, nos quais os meliantes utilizam esse equipamento para se comunicarem, assim como são utilizadas caminhonetes nas ações dos caixeiros. 

Foi então realizada a conversão e sinalizado com o acionamento da sirene e do giroflex, para que o indivíduo parasse, sendo que ao se aproximar do veículo, foi possível constatar que a caminhonete estava com emplacamento no município de Jandaia do Sul, Paraná, fato que aumentou ainda mais a suspeita sobre o veículo. Após ser dada a ordem de parada, por meio do sinais anteriormente citados, o condutor do veículo S10 passou a se evadir em alta velocidade, acessando uma via de terra, que dá acesso a PR-456, e ao acessar a rodovia, tomou sentido ao município de Palmital.

Após alguns minutos de acompanhamento e tentativas de abordagem, a S10 acessou a estrada rural que dá acesso ao Rio do Pedro, momento em que o condutor reduziu a velocidade para adentrar na estrada, tomando posição contrária a da equipe, fato que despertou a imediata necessidade parar o veículo, impedindo o deslocamento para o ambiente rural, tendo em vista que em todos os episódios recentes, envolvendo a explosão de caixas eletrônicos, os veículos utilizados eram abandonados em vias rurais e utilizados outros veículos na fuga, podendo assim ocorrer o encontro com mais indivíduos armados.

No momento da conversão o veículo S10 ficou perpendicular ao posicionamento da viatura das equipes, sendo efetuados disparos de arma de fogo nos pneus, com intuito de impedir a fuga.

Logo em seguida o condutor saiu da caminhonete, sendo prontamente encaminhado para atendimento médico, onde foi realizado um curativo, sendo liberado pelo médico logo em seguida.

Foi oferecido ao condutor o teste etilométrico, sendo de interesse do abordado realizar por livre e espontânea vontade e sem nenhum tipo de constrangimento, o qual resultou em 0,16 mg/l.

O condutor foi encaminhado até o destacamento de Santa Maria do Oeste, onde foi confeccionado o Termo Circunstanciado por desobediência, também foram lavradas as notificações pertinentes, com base no Código de Trânsito Brasileiro. Ao término o condutor assinou a documentação pertinente e foi liberado no local.

Nenhum comentário: